Só por isso

Só por isso

Esta foto foi tirada numa viagem que fiz voltando de Salvador. Não existe um momento de conexão com o Universo mais profunda, mais perto de Deus do que essa imagem. Esse momento te faz entender o que é a vida, a gratidão que devemos ter por tudo que nos é concedido; a saúde, a família, o trabalho, o respirar e acordar todos os dias, só por isso se é feliz, só por isso tem motivos de sobra para agradecer, só por isso, hoje, nesse momento, devemos pensar em nós e nos outros, porque só por isso podemos nos salvar. 

O egoísmo sempre foi uma arma dos fracos, dos incapacitados de entender que o mundo não é só seu, que você não é melhor do que ninguém, que não existe o mais esperto ou o mais inteligente, que não existe o invencível, o insubstituível, o melhor, o mais poderoso. Por que todos são capazes de aprender tudo, que a esperteza só serve para fazer o mal; mas o mal não é aceito num mundo de expiação onde todos estão aqui para aprender – se alguém acha que sabe tudo é hora de dizer adeus, porque a inteligência existe para ser usada a ajudar,  porque sempre haverá alguém para fazer melhor do que você, e não existe ninguém com poder, porque, na hora do juízo final, seu poder fica, seus lucros, sua avareza, seu orgulho, sua arrogância. Só um tem o poder – Deus, e Ele não perde nada, quem perde é quem não acredita. 

Se temos um País dividido entre salvar vidas e salvar a economia, percebemos que o amor não prevalece em todos. Quando se prioriza o dinheiro o interesse não é a pessoa, é o lucro. Mas não há lucro sem pessoa, então quem vai trabalhar para não perder o lucro, o funcionário ou chefe? Vamos pensar, o funcionário é que faz o negócio funcionar, porque patrão não teria o negócio sem ter quem trabalhasse em todas as áreas, certo? Aonde está a solidariedade, o amor? Sujeito oculto. 

O medo de perder o poder, o dinheiro, é maior do que perder vidas. Pense. O seu armário tem comida? Tem um teto? Nesse teto tem cama, coberta, chuveiro, energia e condições básicas sanitárias para sobrevivência? Está com medo de perder o quê?  Já pararam para pensar nos países pobres, miseráveis, que vivem nessa situação e nenhum país considerado rico, de poder ou não, nunca ajudou, nem sequer olha para essa parte do mundo?  

Não saia por aí pedindo para as pessoas se arriscarem e arriscar a vida de suas famílias por um legado de interesses, que não é salvar vidas, mas salvar o seu bolso. Preste mais atenção no momento que o mundo vive, sem vida não há trabalho, não há dinheiro, não há futuro. Incite as pessoas a se cuidarem e assim estarão cuidando de todos.  A melhor defesa agora é por vidas, não por opiniões ou interesses escusos. 

FIQUE EM CASA, POR AMOR 

Please follow and like us:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *